Antíoco IV Epifânio – Resumo Sobre os Intérpretes Judeus


            As opiniões em fontes judaicas sobre a relação de Antíoco IV com as profecias de Daniel para o período pesquisado podem agora ser resumidas. Isto pode ser feito profecia por profecia.

Daniel 2 e Daniel 7 em Paralelo II

1 – Daniel 2 e 7.

            Nenhuma fonte judaica localizada nesse período identifica Antíoco IV como um cumprimento significativo dessas profecias. Contrariamente ao que tem sido escrito em alguns comentários, a identificação de Antíoco com um dos chifres ou dominadores do reino sírio no terceiro oráculo sibilino não provê qualquer evidência de que o autor também o tenha visto como um cumprimento do chifre pequeno de Daniel 7.

            Onde os intérpretes judeus são específicos, o segundo e quarto reinos dos capítulos 2 e 7 são identificados como Pérsia e Roma, respectivamente. Josefo e os rabis são muitos específicos sobre esse ponto. O quarto oráculo sibilino e 4 Esdras se ajustam a esse modelo. Em um sentido menos específico, 1 Enoque e Trifo colocam o cumprimento final do capítulo 7 no futuro, e não no passado com Antíoco.

Daniel 8 VI

2 – Daniel 8.

            Bem pouca informação desse período está disponível sobre a interpretação do capítulo 8. Basicamente consiste dos comentários de apenas um intérprete – Josefo. Ele identifica o chifre pequeno do capítulo 8 com Antíoco de maneira clara e direta. Mas não fez isso sem algumas dificuldades. Quando ele chegou ao lugar da narrativa onde os 2.300 anos do v. 14 deveriam ter aparecido, ele os substitui por 1.296 dias de 12:11. O número mais curto provavelmente foi preferido ao número mais longo original da passagem porque Josefo sabia que ele se ajustava melhor ao período literal de três anos em que os rituais do templo foram suspensos (Ant. X. 275).

            Menos diretamente relacionado com o capítulo 8 está o usos transitório da frase “abominação da desolação” em 1 Macabeus 1:54. O uso dessa frase de Daniel para se referir ao que Antíoco fez sobre o altar no pátio do templo é base suficiente para postular aqui uma conexão. 1 Macabeus, porém, não vai além desse ponto, embora uma frase semelhante apareça quatro vezes em Daniel (8:13; 9:27;11:31; 12:11). Sua forma mais específica aparece somente nas duas últimas passagens.

daniel 9

3 – Daniel 9.

            Para essa profecia somente uma referência foi encontrada para identificar Antíoco como desempenhando uma parte significativa  em seu cumprimento – a Antiga Versão Grega da LXX. Outras fontes desse período têm uma opinião diferente do seu cumprimento. Os escritores de Qunram, Josefo, o Testamento de Levi, os rabis que comentaram sobre isso e 1 Enoque (em um sentido mais geral), todos estenderam as 70 semanas ou dez jubileus do capítulo 9 até ao seu próprio tempo e além. Essas interpretações deixam pouco espaço para Antíoco. Nesse aspecto, a Antiga Versão Grega da LXX se destaca como excepcional.  A frequência de referencias a elementos do capítulo 9 faz essa exceção salientar-se como ainda mais impressionante.

daniel 11.fw (1)

4 – Daniel 11.

            O Rolo da Guerra de Qunram é a única fonte desse período que se relaciona diretamente com a interpretação do capítulo 11. Ele aplicou a parte final dessa profecia (v. 40ss.) a uma guerra escatológica final no futuro, e não a Antíoco no passado.

            O padrão, portanto, é que Antíoco não é encontrado em Daniel 2, 7 ou 9 por intérpretes judeus desse período, com a única exceção da Antiga Versão Grega da LXX, que o encontrou no capítulo 9. A única fonte importante que interpreta o capítulo 8 achou Antíoco ali, mas com uma interessante dificuldade envolvendo o período de tempo do texto. O escritor de Macabeus também parece vincular Antíoco aos capítulos 8 e 11 (1 Macabeus1:54). Uma fonte que se relaciona com a interpretação do capítulo 11 foi localizada, mas a presença de Antíoco não foi percebida na parte daquela profecia utilizada.

Autor: William H. Shea, págs. 219 e 220 – Estudos Sobre Daniel – Origem, Unidade e Relevância Profética – Editor Frank B. Holbrook, UNASPRESS, 2009.

 

           

Anúncios