A Iniciativa de D’us para a nossa yeshuah!


QUARTA FEIRA

A Iniciativa de D-s para a nossa yeshuah 

            A Bíblia mostra que, depois da queda de nossos primeiros pais, D-s foi procurá-los, e não eles a D-s. Ao contrário, o homem e a mulher tentaram se esconder da presença de HaShem. Essa é uma poderosa metáfora que retrata a condição de grande parte da humanidade manchada pelo pecado: fogem daquele que vai procurá-los, do Único que poderia salvá-los! Adam e Havah fizeram isso no ‘Eden e, a menos que as pessoas se rendam à atração do Espírito de D-s, farão a mesma coisa hoje em dia. Felizmente, D-s não rejeitou nossos primeiros pais, e também não nos rejeita. Desde o tempo em que D-s perguntou a Adam e Havah no jardim pela primeira vez: “Onde estás?” (Bereshit [Gênesis] 3:9) até hoje, Ele ainda continua a nos chamar.

Jesus e a Torá

            De fato, Ele é o primeiro emissário. “No dom incomparável de seu Filho, D-s envolveu o mundo todo numa atmosfera de graça, tão real como o ar que circula ao redor do globo. Todos os que escolherem respirar essa atmosfera vivificante hão de viver e crescer até à estatura completa de homens e mulheres no Mashiach Yeshua” (Ellen Gould White, Steps to Shalom, p. 68 adaptado).

            Logicamente a maior revelação da atividade emissária de D-s pode ser vista na encarnação e no ministério de Yeshua. Embora Yeshua tenha vindo à Terra para fazer muitas coisas – destituir HaSatan, revelar o verdadeiro caráter do Pai, provar que as acusações do adversário estavam erradas, mostrar que a Torah de D-s pode ser guardada – a razão principal foi morrer em lugar dos seres humanos para nos salvar do resultado final do pecado, a morte eterna.

  1. O que cada um dos seguintes textos nos ensina sobre a morte de Yeshua?

Yochanan [João] 3:14, 15:________________________________________

Yeshayahu [Isaías] 53:4-6:_________________________________________

2 Coríntios 5:21:_______________________________________________

“D-s fez desse homem sem pecado a oferta pelo pecado – a nosso favor”. Isso foi necessário “para que unidos a ele possamos participar de forma plena da justiça de D-s”. Essa ideia tem sido chamada de “a grande troca”: O ato de Yeshua assumir nossos pecados e sofrer como pecador para que nós, embora pecadores, sejamos considerados tão tzadikim [justos] diante de D-s como o próprio Yeshua.

Estudo Diário

Leitura Chumash Parashat Balac, 4ª Alyá (Números 22:39-23:12) Tehilim [Salmos] 72 a 76 – Leitura Reavivados por sua palavra: Revelação 4 Leitura Anual: Tehilim [Salmos] 90 a 99

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s