Ele tinha tudo, porém…


Domingo 

“Na’aman, comandante do exército do rei de Aram, era altamente respeitado e estimado por seu senhor, porque, por meio dele, Adonai tinha trazido vitória a Aram. Embora ele fosse um bravo guerreiro, sofria de tzara’at” (M’lakhim Bet [2 Reis] 5:1). Esse verso contém não menos do que quatro descrições ou títulos que colocavam Na’amam no escalão mais alto da sociedade síria ou arameia. Ele exercia grande influência sobre o rei de Aram, era tido em alta conta e era o braço direito do rei, tanto em assuntos militares quanto religiosos (v. 18). Era também extremamente rico (v. 5). Contudo, o primeiro verso tem um importante “porém”. Todo o poder, toda honra e coragem de Na’aman empalideciam à luz da mais temida diferença daqueles dias: a tzara’at. E era exatamente isso que o pobre homem tinha, o grande “porém” que lançava uma sombra sobre tudo o mais que ele havia alcançado. Essa enfermidade, contudo, colocou-o em contato com o profeta de D-s e, através desse contato, ele se tornou um crente no verdadeiro D-s.

Josue

  1. Leia Marcos 1:40-45, Lucas 8:41-56 e Marcos 2:1-12. Além do fato de Yeshua ter feito curas, qual é o denominador comum nesses relatos? O que levou todas essas pessoas a Yeshua?

Perturbações, tragédias e transições na vida pessoal podem tornar as pessoas mais abertas à verdade espiritual e levá-las a buscar a D-s. Desastres físicos, psicológicos, políticos ou de outra ordem podem tornar as pessoas mais acessíveis à realidade do divino. Perdas pessoais, catástrofes nacionais e guerras são importantes motivadores que fazem com quem as pessoas busquem um poder maior do que elas mesmas. Há muito, a kahal está ciente de que, em áreas onde as pessoas são atingidas pelo sofrimento no âmbito pessoal ou comunitário, tende a ocorrer um aumento na quantidade de pessoas alcançadas.

ESTUDO DIÁRIO

Leitura Chumash Parashat Matot-Massê, 1ª Alyá (Números 30:2-31:12) Tehilim [Salmos] Capítulo 119, Versículos 1-96 Leitura Anual: Mishlei [Provérbios] 8 a 11

Anúncios