Os tz’dukim


 

“Os kohanim e príncipes viram que o Mashiach era mais enaltecido do que eles. Ouvindo os tz’dukim, que não acreditavam na ressurreição, os emissários declarando que o Mashiach havia ressuscitado dos mortos, ficaram irados, compreendendo que, se fosse permitido que os emissários proclamassem um Moshia ressuscitado e operassem milagres em nome dEle, a doutrina de que não haveria ressurreição seria rejeitada por todos e a seita dos tz’dukim logo se extinguiria” (AA, p. 78 contextualizado).

saduceus

3. Leia Atos 4:1-30. Como o tema do grande conflito se manifestou nessa ocasião? Seria esse um exemplo de como ele se desenvolveu ao longo da História? Como vemos a atuação de hasatan e a atuação de hashem nesse relato?

O que mais perturbou esses líderes foi a cura que o Eterno operou por intermédio de Kefa (At 3:1-10). mas, quando confrontados pelos líderes, os talmidim não vacilaram. Os kohanim não estavam esperando isso da parte de “am’ha’eretz sem instrução” (Atos 4:13). mandando os talmidim saírem do lugar, consultaramse entre si, pensando que, se ordenassem aos homens que não ensinassem em nome de Yeshua, eles obedeceriam mansamente (Atos 4:18). Como estavam equivocados! Em vez de fazer isso, os talmidim voltaram, uniram-se aos outros e, juntos, louvaram a D’us (Atos 4:24).

Eles oraram para ter mais ousadia e para que D’us estendesse a mão para realizar mais refuah shlema (Atos 4:29, 30). Não precisaram esperar muito tempo. devido à crescente popularidade dos talmidim, as pessoas chegaram ao ponto de trazer seus doentes para as ruas a fim de que, quando Kefa passasse, pelo menos sua sombra incidisse sobre eles (Atos 5:15). Multidões vinham de cidades próximas e seus doentes eram todos curados (Atos 5:16). Em tudo isso, podemos ver o grande conflito se manifestando: alguns líderes inescrupulosos buscando suprimir a verdade; pessoas fiéis lendo a Bíblia e orando pelo poder divino; doenças curadas e corações alcançados. Embora as coisas, pelo menos à primeira vista, nem sempre terminem tão bem como nesse caso, nunca devemos nos esquecer de como, no fim, o grande conflito terminará, e certa é a vitória final, que é nossa por causa do que Yeshua realizou em favor da humanidade. 

Leitura Chumash parashat Ki Tissá, 3ª Alyá (Shemot [Êx] 33:12-33:16) Tehilim 72-76; Leitura Reavivados por Sua Palavra: Shoftim [Jz] 16 Leitura Anual: B’midbar [Nm] 33, 34

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s