10 – Diretrizes para uma Leitura Intertextual das Escrituras


 

Uma leitura intertextual das Escrituras pode tornar-se um estudo altamente complexo. Os especialistas se envolvem em estudos interdisciplinares para extrair o máximo de um texto.

                Mas o fato de que tal estudo pode tornar-se técnico não significa que a intertextualidade é inacessível ao leitor em geral.  O Ruach Hakodesh conduz o crente a toda a verdade. Todos podem beneficiar-se lendo intertextualmente as Escrituras. Além disso, quando Yeshua convidou o leitor das Escrituras a entender o que foi falado pelo profeta Daniel (Mat. 24:15), ele admitiu sua competência e sua capacidade de compreender. 

Tanach

                Em assuntos pertencentes à compreensão da Palavra de D’us a partir das Escrituras, há espaço para o especialista e para qualquer mente inquiridora.

                Para desenvolver uma leitura intertextual das Escrituras, cujo principal objetivo é permitir ao leitor o acesso a todo o conselho de D’us sobre qualquer tema, o leitor da Bíblia deve usar as seguintes diretrizes:

  1. Familiarize-se com o contexto de toda a Bíblia. Uma leitura regular das Escrituras é altamente recomendada. Esta prática tornará o mundo da Bíblia um lar para o leitor. A memorização de várias partes das Escrituras, a utilização de artifícios mnemônicos, também ajuda a desenvolver sensibilidade à interpretação interbíblica.
  2. Estude passagens com contexto similar. Compare cuidadosamente o cenário original de uma passagem com seu uso no novo contexto.
  3. Defina o significado de termos essenciais por meio do estudo das palavras (concordâncias, dicionários);
  4. Estude o contexto.
  5. Familiarize-se com o mundo da Bíblia Hebraica a fim de obter uma compreensão melhor da B’rit Hadashah/Novo Testamento.
  6. Focalize as conexões que são claramente feitas dentro das Escrituras. Abstenha-se de encontrar uma aplicação para cada detalhe de pessoas, eventos e instituições da Bíblia Hebraica, como o santuário.
  7. Concentre-se no fato de que as Escrituras testificam de Yeshua (João 5:39).

                O estudo intertextual das Escrituras é servo de um objetivo mais elevado, conhecer a D’us, contemplar sua glória no Mashiach e ser transformado à sua semelhança, de Shekinah em Shekinah.

Anúncios