Brexit – Os Judeus e a Saída do Reino Unido da UE


 

David Cameron expressou com muita fidelidade sobre a fraqueza dos europeus após o desastroso plebiscito da semana passada.

Ter uma economia forte como ferro, mas ter uma fraqueza xenófoba “de barro” demonstrada pelo referendo da UE, só ajudou a demonstrar os sentimentos sublimados de uma parte considerável da população que aumentou em 57% os incidentes racistas relatados. O amor, a fraternidade, o respeito a diversidade étnica e religiosa são a resposta ao ódio e ao preconceito, porém, do barro só se tira lama:

“Nos últimos dias temos visto grafites desprezíveis pintadas num centro da comunidade polonesa, vimos abuso verbal contra pessoas, porque eles são membros de minorias étnicas”, disse Cameron.

“Vamos lembrar que estas pessoas vieram aqui e fizeram uma contribuição maravilhosa para o nosso país. Nós não vamos ser dominados pelos crimes de ódio ou esses tipos de ataques, eles devem ser erradicados “.

Europa 6

A profecia se mantém em pé. 

Anúncios