Justiça Própria


Embora não seja dita muita coisa específica sobre esse homem, podemos captar
alguns pontos evidentes. Ele era rico, um homem de posição (ver Lucas
[Lc] 18:18), e aparentemente um seguidor muito escrupuloso da Torah de D’us.
Podemos ver, também, que ele sentia que estava faltando algo em sua vida.
Nosso exterior pode, as vezes, aparentar como a de um religioso piedoso, mas
no íntimo estarmos insatisfeitos com nossa vida espiritual e lutarmos para alcançar
a certeza da salvação. Em ambos os casos, há a sensação de um grande
abismo para alcançar o Eterno que não pode ser tapado por obras exteriores.
“Esse príncipe tinha em alta conta sua própria justiça. Não pensava, na verdade,
que faltasse em qualquer coisa; contudo, não estava de todo satisfeito.
Sentia a falta de algo que não possuía. Não poderia Yeshua abençoá-lo assim
como havia feito às criancinhas, e satisfazer-lhe a necessidade da alma?” (O Desejado
de Todas as Nações, p. 518, contextualizado).

4. Leia Mattityahu [Mt] 19:16-30. De que forma devemos nos identificar com
essa história hoje? Que lições podemos tirar dela?
Algumas pessoas poderiam argumentar que, nessa história, Yeshua estava
ensinando que recebemos a vida eterna com base em nossas boas ações. Afinal
de contas, em Mattityahu [Mt] 19:17, Yeshua disse: “Se você quer obter a vida
eterna, obedeça às mitzvot.” As mitzvot tem haver com a ética e comportamento em relação a D’us e ao próximo, Shaul, nos ensina
que ela indica a necessidade de salvação e em Quem obtê-la. (ver Romanos
[Rm] 3:28; Gálatas [Gl] 3:21, 22; Romanos [Rm] 7:7).  Yeshua
devia estar procurando fazer esse homem ver sua grande necessidade de alguma
coisa além do que o que ele estava fazendo uma vez que era escrupuloso
na observância da Torah.

orgulho movimento.gif

As boas novas sobre o Mashiach precisam penetrar  o coração, ir até os ídolos da alma, e qualquer coisa à qual estejamos nos apegando e que seja um empecilho para nosso relacionamento com o Eterno precisa ser eliminada. Nesse caso, era o dinheiro. Yeshua falou sobre o quanto é difícil um rico ser salvo; contudo, pouco depois desse diálogo, Lucas [Lc] registrou uma bela história onde exatamente isso acontece (ver Lucas [Lc] 19:1-10).
Se você estivesse na posição do jovem rico, e fizesse a Yeshua a mesma pergunta,
o que você acha que Ele lhe diria? Pense nas implicações de sua resposta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s