Locarno premiou filme hassídico


Hassidico 2

Um contundente libelo contra o beatismo e a carolice religiosa, que pode se manifestar em qualquer crença, no caso entre judeus ortodoxos ou hassídicos, vertente do judaísmo ligada no misticismo, de origem ucraniana e polonesa asquenaze, oposta ao judaísmo intelectualizado e acreditando nas manifestações malignas e no contato do homem com Deus.

O escritor Isaac Bashevis Singer foi um divulgador entre os goins das lendas, contos e cultura hassídica, o fotógrafo Cláudio Edinger viveu entre eles em Nova Iorque e conta numa deliciosa crônica, cujo título é Um hippie entre os hassídicos. Sem esse conhecimento básico é difícil para o espectador entender o drama vivido por Haim-Aaron, frequentador assíduo da Yeshivá, filho de um açougueiro kosher.

O filme em preto e branco, ressalta a roupa branca de Haim-Aaron com seu rosto magro e seus payots (espécie de costeletas nunca cortadas que se tornam cachos enrolados pendentes), seu chapéu preto ou sua kipa e todos balançando corpo e cabeça na leitura dos textos sagrados da Torá.

O jovem Haim-Aaron quer ficar perto de Deus, como todo fanático religioso, e se inquieta quando seu pênis endurece, em busca daquilo que o jovem desconhece por viver fora do mundo. Submetendo-se a jejum e crendo-se alvo de provações ou de ataques do maligno, acaba por desmaiar e cair dentro da banheira, onde é encontrado como morto…

Trailer – http://www.pardolive.ch/fr/pardo/program/film.html?fid=815301

Rui Martins esteve em Locarno, convidado pelo Festival Internacional de Cinema, fonte: 

http://www.correiodobrasil.com.br/locarno-premiou-filme-hassidico/ 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s