Introdução ao Tikun Olam – A vida de um Administrador – 1


Tikun Olam vem da expressão em hebraico que visa administrar a vida relacionando--a com a espiritualidade. Tem como objetivo melhorar, consertar, preparar, arrumar,ou apenas fazer algo (Tikun) com o mundo (Olam). Precisamos reconhecer nossa condição de pecadores antes de enxergar a necessidade de mudança. A transformação só pode ocorrer pela atuação do Mashiach em nossa vida. Tikun Olam é uma expressão dessa mudança. Em sentido amplo, Tikun Olam é a administração de posses tangíveis e intangíveis para a glória do Eterno.
De acordo com a Bíblia, a administração (quando relacionado com a  espiritualidade) é um instrumento poderoso contra os perigos do materialismo (o amor pelas coisas) ou do mundanismo em geral (uma das grandes armadilhas espirituais que o adversário apresenta).
Muitos não percebem que as riquezas e bens são temperos baratos e artificiais que,
no fim, perdem seu sabor. Infelizmente, muitos não desfrutarão do Olam Habá pela incapacidade de se libertar do amor pelo Olam Hazê. os desejos da velha natureza, os desejos dos olhos e as exigências da vida” (1Jo 2:16) podem ser amenizados e até mesmo evitados mediante os princípios de administração que vivemos.

tikkun -olam-logo-cropped-271x280Durante algumas semanas , estudaremos a administração da vida espiritual e a maneira pela qual D’us deseja que vivamos, o que inclui a libertação do amor pelo Olam Hazê. Administração espiritual é a expressão prática do que significa seguir o Mashiach e do nosso amor a D’us, um meio de viver a verdade que recebemos. Somos administradores zelosos porque D’us nos amou primeiro.
Devemos ser servos fiéis e dignos da confiança de D’us e viver de maneira altruísta,
ligando-nos a Yeshua em nossas palavras e ações. Na Yeshivá do Mashiach, descobrimos que o resultado da administração é o contentamento com a vida justa. Devemos administrar as posses de D’us para Sua glória, sustentando financeiramente Sua missão para concluir Sua obra de Tikun Olam.
Nossa vida reflete o caráter de D’us para o mundo. Há beleza, felicidade e piedade na vida daqueles que ousam defender os princípios bíblicos, que vão especialmente contra a tendência da nossa cultura. 
No fim, ouviremos apenas uma declaração de reprovação (Mt 7:23) ou de aprovação
(Mt 25:23). Oramos para que a Administração da vida espiritual o ajude a seguir no caminho da aprovação.

1 Este guia de estudo é uma versão adaptada das lições da Escola Sabatina
ao contexto Judaico-Adventista. É usada pelos membros das Beth Bnei Tsion
[Comunidades Judaico-Adventistas] como auxiliar e apoio ao estudo semanal.
Visa tornar a linguagem mais acessível a esse contexto. O conteúdo original é
preservado usando apenas adaptações contextuais.
2 As versões bíblicas adotadas preferencialmente nessa contextualização são
“Bíblia Judaica Completa” traduzida por David H. Stern, “Bíblia Hebraica” traduzida por David Gorodovits e Jairo Fridlin e Orthodox Jewish Bible.
3 As referências para estudo semanal (Parashá, Haftará, leitura anual da Bíblia,
Leitura Reavivados por Sua Palavra [Leitura RPSP:] Crede em seus profetas
CSP) e costumes e festas encontram-se junto aos estudos diários.
4 Demais informações, horário do pôr-do-sol, acendimento de velas, datas festivas
e Glossário encontram-se anexos ao final deste guia.

Caso você queira a lição completa pode solicitar nos comentários abaixo e lhe enviaremos graciosamente o volume completo do primeiro trimestre de 2018. 

Anúncios