Ahavato shel Haav*


Não muito antes da sua morte, Yeshua falou com seu círculo íntimo de amigos sobre como as pessoas podiam ir ao Pai (haav) por meio dele. Foi então que Filipe disse: “”Senhor, mostre-nos o Pai, e isso será o suficiente para nós”.” (Jo 14:8).

1. De acordo com Yochanan, o que Yeshua respondeu a Filipe? (Jo 14:9) O que Sua resposta ensina sobre o Pai? Quais equívocos sobre o Eterno ela deveria eliminar?

Criador
Alguns acham que há diferença no caráter divino expresso nas Escrituras Sagradas. Pensam em um D’us de justiça na Bíblia Hebraica e um D’us cheio de  misericórdia, graça e perdão nos escritos da Brit Hadashá. A distinção que essas pessoas estabelecem não é válida. Tanto na Bíblia Hebraica na Brit Hadashá Ele é o mesmo D’us, com as mesmas características.
Uma razão pela qual o Mashiach veio a este mundo foi revelar a verdade sobre D’us, o Pai.
Ao longo dos séculos, ideias equivocadas sobre o Avinu Malkenu e Seu caráter se tornaram generalizadas, não apenas entre os pagãos, mas também entre a nação escolhida de D’us. “A Terra se obscureceu devido à má compreensão do Eterno. Para que as tristes sombras se pudessem iluminar, para que o mundo pudesse voltar ao Criador, era preciso que se derrubasse
o poder enganador de Satan”. Essas foram algumas razões pelas quais Yeshua veio a esta Terra.
O Eterno não muda. Se soubéssemos todos os fatos que envolveram os acontecimentos antigos, acharíamos D’us tão misericordioso no Tanach como Ele é na Brit Hadashá. As Escrituras declaram: “D’us é amor” (1Jo 4:8), e Ele não muda. “Yeshua o Messias, Yeshua, o Messias, é o mesmo, ontem, hoje e sempre” (Hb 13:8).
Lembre-se, também, que foi o Eterno que se fez maldição no madeiro para nos salvar.
“Piedoso e pleno de bondade é o Eterno, tardio em irar-Se, e sempre pronto a ser generoso.” (Sl 145:8). Seu amor é infalível (Sl 143:8), e Ele Se agrada em Seus seguidores (Sl 147:11). Seu plano é fazer as pessoas prosperarem e lhes dar esperança (Jr 29:11). Em Seu amor, Ele não mais repreenderá, mas Se alegrará em Seu povo com júbilo (Sf 3:17). Esse é o verdadeiro D’us.
Pense no fato de que Yeshua representa D’us, o Pai. Por que essa maravilhosa verdade traz esperança, especialmente aos que têm medo de D’us?

* O amor do Pai

Anúncios